InícioBrasilPRF tem 48h para relatar efetivo mobilizado contra bloqueios e no dia...

PRF tem 48h para relatar efetivo mobilizado contra bloqueios e no dia da eleição

PRF precisa informar "documentalmente" quantos policiais foram acionados em cada Estado durante ação

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), deu 48 horas para a Polícia Rodoviária Federal (PRF) entregar documentos que comprovem o efetivo mobilizado para liberar as estradas federais interditadas por bolsonaristas inconformados com o resultado da eleição.

A ordem é para a PRF informar “documentalmente” quantos policiais foram acionados em cada Estado, em atuação e em pronto-emprego, desde 28 de outubro. O objetivo é analisar se a corporação empreendeu esforço total para desmobilizar os bloqueios.

Moraes também pede dados sobre eventuais recrutamentos para o segundo turno das eleições, com o “detalhamento das lotações de origem dos policiais, bem como para onde foram enviados em missão”.

O propósito é avaliar se houve desvio de finalidade nas abordagens feitas no dia da votação. Mesmo após a Justiça Eleitoral proibir ações relacionadas ao transporte público de eleitores, a PRF fez ao menos 560 operações, com foco no Nordeste, reduto eleitoral de Lula (PT).

Esta é mais uma cobrança de Moraes. Ontem ele já havia determinado que o diretor-geral da PRF, Silvinei Vasques, entregue um relatório detalhado de todas as multas aplicadas durante a desmobilização dos bloqueios. O ministro pede a identificação dos veículos e pessoas autuadas. Também mandou a Polícia Federal (PF) compartilhar com urgência todas as informações reunidas até o momento sobre os líderes dos bloqueios.

Agência Estado.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Este site é protegido pelo reCAPTCHA e a Política de Privacidade e os Termos de Serviço do Google se aplicam.

Últimas Notícias

Publicidadespot_img
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE