InícioMundoUcrânia nega participação na morte de jornalista russa

Ucrânia nega participação na morte de jornalista russa

Da mesma forma que o pai, Alexander Dugin, ideólogo nacionalista russo , Daria Dugina, defendia a invasão da Ucrânia

O governo ucraniano negou neste domingo, 21, envolvimento na morte da jornalista russa Darya Dugina, filha do ideólogo Alexander Dugin, conhecido “guru de Vladmir”, como um dos “principais mentores ideológicos” do presidente russo. As autoridades russas abriram uma investigação sobre o assassinato.

Segundo o Comitê de Investigação da Rússia, um explosivo foi colocado no carro e o ataque foi considerado “um crime premeditado”.

“A Ucrânia nada tem a ver com isso, porque não somos um Estado criminoso como a Federação Russa e não somos um Estado terrorista”, afirmou Mikhail Podolyak, assessor especial do presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Este site é protegido pelo reCAPTCHA e a Política de Privacidade e os Termos de Serviço do Google se aplicam.

Últimas Notícias

Publicidadespot_img
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE