InícioPolíticaTebet pede ao TSE registro da candidatura e declara patrimônio de R$...

Tebet pede ao TSE registro da candidatura e declara patrimônio de R$ 2,3 mi

Os bens da senadora inclui sete apartamentos, duas casas e quatro terrenos, além de depósitos bancários em conta corrente no Brasil

A senadora Simone Tebet (MDB-MS) pediu na noite do sábado, 6, ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) o registro de sua candidatura à Presidência da República, com a também senadora Mara Gabrilli (PSDB-SP) como vice. Tebet informou à Justiça Eleitoral patrimônio de R$ 2,3 milhões, que inclui sete apartamentos, duas casas e quatro terrenos, além de depósitos bancários em conta corrente no País. Com o fim do período de convenções, os partidos têm até o dia 15 de agosto para solicitar à Corte a oficialização de seus candidatos nas eleições de outubro.

A candidata emedebista é apoiada por Podemos, PSDB, que indicou a vice, e Cidadania, partido que formou uma federação com os tucanos. O MDB aprovou o nome de Tebet ao Palácio do Planalto em convenção realizada no dia 27 de julho. Foram 262 votos a favor e 9 contra, após uma série de tentativas da ala “lulista” da legenda de impedir o lançamento da candidatura.

Com 52 anos, Tebet vai disputar a Presidência pela primeira vez. Antes de assumir uma cadeira no Senado em 2014, foi deputada estadual em Mato Grosso do Sul, de 2003 a 2005, prefeita de Três Lagoas (MS), de 2005 a 2010, e vice-governadora do Estado, de 2011 a 2015. No ano passado, a parlamentar se destacou em seus discursos na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid, que investigou ações e omissões do governo na pandemia.

Apesar de ter o apoio do presidente nacional do MDB, Baleia Rossi, Tebet enfrentou a resistência da ala do partido que prefere apoiar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no primeiro turno. A avaliação desse grupo, liderado pelo senador Renan Calheiros (MDB-AL), é que uma candidatura pouco competitiva pode prejudicar os candidatos da sigla nos Estados e levar a uma redução da bancada de deputados federais no ano que vem.

Atualmente, a legenda tem 37 assentos na Câmara. No levantamento mais recente do Datafolha, divulgado em 28 de julho, Tebet aparece com 2% de intenção de voto.

Lula, Luiz Felipe D’Avila (Novo), Vera Lúcia (PSTU), Sofia Manzano (PCB), Pablo Marçal (Pros) e Léo Péricles (Unidade Popular) também já pediram no TSE o registro da candidatura à Presidência.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Últimas Notícias

Publicidadespot_img
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE