InícioPolíticaELEIÇÕES 2022: convenção do MDB, PP e PL oficializa candidatura à reeleição...

ELEIÇÕES 2022: convenção do MDB, PP e PL oficializa candidatura à reeleição de Ibaneis Rocha

Evento que reuniu milhares de pessoas no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, também referendou Celina Leão como vice e Flávia Arruda ao Senado

Os diretórios regionais do MDB, PP e PL, aprovaram por unanimidade a chapa Ibaneis Rocha, para governador, Celina Leão (PP), vice-governadora, e Flávia Arruda (PL) para o Senado.

Com a candidatura de Ibaneis oficializada, a chapa deve ser registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-DF) até o dia 15 de agosto.

A convenção dos três partidos foi realizada neste domingo, 31, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães das 9h às 12h.

A reunião do MDB-PP-PL foi marcada pela quantidade de pessoas que foi ao centro de convenções, com o auditório principal lotado assim como todos os espaços onde ocorreu o evento. Organização estimou o público em 10 mil.

Os ônibus vindos das regiões administrativas, com os apoiadores da chapa majoritária e proporcionais – candidatos a deputados federais e distritais – começaram a chegar no Ulysses Guimarães logo cedo.

Jingles, faixas, camisetas, adesivos e “santinhos” dos candidatos misturavam-se à multidão de convidados e correligionários apoiadores dos candidatos.

Os aplausos e gritos foram acompanhados de cada manifestação dos postulantes à Câmara dos Deputados e Câmara Legislativa que se sucederam no palco antes da chegada do grupo principal.

Ibaneis Rocha, acompanhado da família e das duas mulheres da chapa – Celina e Flávia – chegaram ao local da convenção às 11h, com um convidado ilustre: o ex-presidente da República, Michel Temer.

Havia a expectativa da presença de Bolsonaro, o que não se confirmou. Ibaneis compareceu à convenção do PL, no domingo passado, 24, quando foi homologada a candidatura de reeleição do presidente da República.

Discurso de união

O ex-governador José Roberto Arruda (PL), agora candidato a deputado federal, abriu o discurso falando da volta à política, após 12 anos. E esse retorno, acima dos interesses pessoais e políticos, foi para trazer união por Brasília e pelo Distrito Federal.

Arruda teve os direitos políticos restabelecidos, após os processos da “Caixa de Pandora” terem sido levados à primeira instância da justiça eleitoral e pela liminar do presidente do STJ, Humberto Martins, que o livrou de uma ação por improbidade administrativa.

No discurso, o ex-governador do DF pediu a Ibaneis Rocha para usar a habilidade política para reunir mais partidos e nomes como o do empresário e também ex-governador, Paulo Octávio. Arruda também citou o União Brasil, do senador Reguffe.

“Volto à política para ajudar na reeleição do presidente Bolsonaro, garantir a reeleição, em primeiro turno, do governador Ibaneis e a eleição da Flávia para senadora”, disse José Roberto Arruda.

Candidatos a deputados federais e distritais foram, com seus apoiadores e correligionários, compareceram em massa na convenção. Foto: Mais Brasil News

Força da mulher

O discurso da ex-ministra Flávia Arruda focou a união dos partidos, em torno da candidatura Ibaneis. Além do MDB, PL e PP, ela citou presenças, na convenção, do Solidariedade, Avante, Agir, Republicanos, PTC. Ao todo são nove partidos que formam a aliança.

“Política é feita com união e o que estamos vendo nessa convenção é o sinônimo dessa convergência de partidos e lideranças com que estamos fazendo aliança para vencer as eleições”, declarou Flávia Arruda.

A candidata do PL ao Senado destacou ainda o papel das mulheres na política e citou exemplo dela e da deputada Celina Leão (PP-DF) que formam a chapa majoritária ao Governo do Distrito Federal.

“Nós mulheres, somos a maioria da população, somos competentes, preparadas e corajosas e enfrentamos todos os dias o preconceito, o machismo. Mas, temos o exemplo do governador Ibaneis que lidera essa chapa ao lado de duas mulheres fortes”, discursou a ex-ministra Flávia Arruda.

Ações e obras

A candidata à vice-governadora, Celina Leão também dedicou parte do discurso à união dos partidos em torno da chapa de Ibaneis Rocha. Mas também citou obras e ações do governo que, segundo ela, merecem ser continuados.  

“Esse governador saiu do conforto da sua família e do seu lar para se dedicar à política; não anda em veículo oficial, dirige seu próprio carro e doa todo o salário às instituições sociais. Ele abriu mão de tudo isso para cuidar da nossa cidade”, disse Celina Leão.

A deputada federal e ex-secretária de Esportes (2020) lembrou quando Ibaneis Rocha assumiu o mandato, o GDF havia perdido cerca de R$ 3 bilhões em investimentos, mas por meio do então presidente Temer, o governo do DF conseguiu novos recursos junto ao governo federal. “Por isso, vemos tantas obras espalhadas por todo o Distrito Federal”, disse Celina Leão.

Sequência do trabalho

Último a discursar na convenção, o governador Ibaneis Rocha escolheu o tom coletivo, de grupo, em vez de exaltação individual. Lembrou da amizade com o Michel Temer e das lideranças políticas que ali estavam presentes. Até chegou a citar Paco Britto, presidente do Avante. O atual vice-governador do DF foi preterido na chapa de reeleição.

“Embora tenhamos passado por dificuldades nos últimos dois anos, com a pandemia e termos recebido um governo com crise financeira, conseguimos melhorar a nossa cidade. A realidade está nas ruas com obras em todos os lugares, assim como a atenção à área social”, disse o governador.

Ibaneis citou as gestões dos ex-governadores Joaquim Roriz (falecido) e de José Roberto Arruda como os últimos governos que “olharam para a cidade e para o povo mais pobre.

Sem citar as gestões do PT, o qual se referiu como “período das trevas” no DF, Ibaneis destacou as obras e ações do governo dele nos últimos três anos e meio, como o túnel de Taguatinga, viadutos do Recanto das Emas, Sudoeste, Valparaíso, Paranoá, Riacho Fundo, entrada de Sobradinho, duplicação de vias, asfaltamento, recuperação viária e os benefícios sociais, como cartão prato cheio, vale gás e outros benefícios sociais.

“Esse governo não tem vergonha de olhar na cara do povo. A partir do dia 15 de agosto, quando começar a campanha, essas forças políticas estarão nas ruas do DF, pedindo voto, explicando que vale a pena votar nesse grupo que tem demonstrado porque o DF é o melhor lugar para se viver, é a cidade mais limpa, mais bela, que mais gera emprego, renda.  E é isso que queremos continuar fazendo, dar sequência a esse trabalho desenvolvido em nossa cidade”, declarou Ibaneis Rocha.  

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Este site é protegido pelo reCAPTCHA e a Política de Privacidade e os Termos de Serviço do Google se aplicam.

Últimas Notícias

Publicidadespot_img
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE