InícioPolítica‘Se todos os requisitos forem atendidos criaremos a CPI’, disse presidente do...

‘Se todos os requisitos forem atendidos criaremos a CPI’, disse presidente do Senado

Parlamentares da oposição correm para tentar conseguir as assinaturas necessárias para criarem a CPI do MEC

O ex-ministro da Educação, Milton Ribeiro, deveria estar em Brasília às 14h desta quinta-feira, 23, mas a defesa conseguiu decisão para que ele participe da audiência de custódia em São Paulo. Enquanto isso, no Congresso Nacional, parlamentares da oposição já trabalham para a criação da CPI do MEC.

Durante entrevista coletiva, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), afirmou que se o requerimento para criação da CPI cumprir todos os requisitos, a comissão será instalada.

“A posição da presidência do Senado em relação a requerimento de comissão parlamentar de inquérito deve ser uma posição linear, obediente à constituição, obediente ao regimento. De modo que esse requerimento de CPI e outros requerimentos de CPI devem observar os requisitos que se exige para apreciação da presidência do senado e, cumpridos os requisitos, toda e qualquer CPI será instalada”, disse Pacheco.

O presidente da Comissão de Educação no Senado, Marcelo Castro (MDB-PI) falou sobre a prisão do ex-ministro e disse que uma CPI é importante.

“Pode ajudar muito uma CPI, porque é um instrumento muito forte. A comissão tem validade de polícia, as pessoas são obrigadas a comparecer, elas prestam depoimento sob juramento e você também pode quebrar o sigilo dessas pessoas” declarou o senador.

Os pré-candidatos à presidência da República Ciro Gomes (PDT) e Simone Tebet (MDB) comentaram a prisão do ex-ministro da Educação Milton Mibeiro. Tebet afirmou que a corrupção é a marca deste governo

“Corrupção também é marca desse governo. Nas vacinas, na educação, no orçamento secreto. O brasil precisa de um novo caminho. É possível fazer diferente, disse a senadora

O ex-ministro da educação Milton Ribeiro foi preso preventivamente, nesta quarta-feira, em santos. Ele foi preso no âmbito de uma operação da polícia federal que investiga a prática de tráfico de influência e corrupção para a liberação de recursos públicos do FNDE, Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Este site é protegido pelo reCAPTCHA e a Política de Privacidade e os Termos de Serviço do Google se aplicam.

Últimas Notícias

Publicidadespot_img
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE