InícioPolítica'Intervenção jamais', diz Fachin sobre trabalho das Forças Armadas nas eleições

‘Intervenção jamais’, diz Fachin sobre trabalho das Forças Armadas nas eleições

Declaração foi dada em resposta à Bolsonaro, que voltou a atacar o TSE na quarta-feira, 27

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Edson Fachin, afirmou nesta sexta-feira (29) que a Justiça Eleitoral não vai aceitar intervenção das Forças Armadas nas eleições. A declaração foi dada durante entrevista coletiva no Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PRE).

“Para sugestões das Forças Armadas, a Justiça Eleitoral está inteiramente à disposição. Para intervenção, jamais”, declarou. A fala respondeu a declaração dada pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) na quarta-feira (27), onde em uma cerimônia no Palácio do Planalto, ele sugeriu uma contagem de votos paralela feita pelas Forças Armadas.

O evento organizado pela bancada evangélica e pela de segurança pública se tornou um palco para críticas do chefe do Executivo ao Supremo Tribunal Federal (STF) e ao TSE. “Não precisamos de voto impresso para garantir a lisura das eleições”, afirmou Bolsonaro, ao destacar que as Forças Armadas apresentam sugestões ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

As Forças Armadas fazem parte da Comissão de Transparência Eleitoral do TSE e enviaram um documento com 10 medidas para ampliar a confiabilidade do processo eleitoral. O texto foi analisado pela comissão e instalado pela Justiça Eleitoral.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Últimas Notícias

Publicidadespot_img
WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE