InícioBrasilOperação contra garimpo ilegal pode ocorrer a qualquer momento, diz Hamilton Mourão

Operação contra garimpo ilegal pode ocorrer a qualquer momento, diz Hamilton Mourão

Vice-presidente da República confirmou que Polícia Federal e Marinha do Brasil estão apostos para entrar em ação na região do Rio Madeira, no Amazonas

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, afirmou nesta quinta-feira (25), em entrevista coletiva, que a Polícia Federal e a Marinha do Brasil já estão preparadas para realizar uma operação na região do Rio Madeira, no estado do Amazonas, contra o garimpo ilegal.

“A Marinha tem que verificar quem está legal e, quem estiver na ilegalidade, terá a embarcação apreendida”, ressaltou o vice-presidente.

Ele também disse que essa ação dos garimpeiros na região pode ter o apoio do narcotráfico. “Uma das formas de se manter é apoiando ações dessa natureza. Se o ouro é extraído ilegalmente, esse é um ativo que pode ser trocado por droga”, contou Mourão.

Além disso, o Ministério Público Federal recomendou a adoção de ações emergenciais de repressão e desarticulação dos garimpos, com a atuação integrada de órgãos e autarquias federais e estaduais, no prazo de 30 dias.

Centenas de balsas de garimpo ilegal avançam há, pelo menos, 15 dias pelas águas do Rio Madeira, em busca de ouro. As movimentações de balsas enfileiradas foram confirmadas na região dos municípios de Autazes e Nova Olinda do Norte. Ao todo, cerca de 640 balsas estão ancoradas numa região do rio localizada a cerca de 120 quilômetros de Manaus.

A extração de ouro na região não é amparada por licença ambiental ou por título de lavra emitido pela Agência Nacional de Mineração, o que torna essa atividade ilegal.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Publicidadespot_img

Últimas Notícias