InícioMundoDelegado da Polícia Federal é eleito vice-presidente da Interpol nas Américas

Delegado da Polícia Federal é eleito vice-presidente da Interpol nas Américas

A eleição se deu durante reunião realizada em Istambul, na Turquia, uma versão encurtada da Assembleia Geral da Interpol

O delegado de Polícia Federal Valdecy Urquiza foi eleito nesta quinta-feira, 25, vice-presidente das Américas para o Comitê Executivo da Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol). Com 55,8% dos votos, Urquiza venceu o candidato colombiano, general Jorge Luis Vargas Valencia, Diretor-Geral da Polícia Nacional daquele país.

Como mostrou o Estadão, Urquiza é o primeiro representante brasileiro a ser alçado à vice-presidência para as Américas do Comitê Executivo. Ele vai ocupar o cargo por três anos. À repórter Rayssa Motta, o delegado afirmou que ‘o Comitê Executivo traz a possibilidade de o Brasil influenciar mais nas decisões pensando em seus interesses nacionais e regionais’.

O Comitê Executivo da Interpol é responsável por indicar, a cada cinco anos, o secretário-geral da organização. Há também outras atribuições estratégicas, como a definição do orçamento, das metas a serem priorizadas a cada gestão e das diretrizes de fiscalização das atividades. A perspectiva de participar das tomadas de decisão faz com que, tradicionalmente, as vagas sejam disputadas até a véspera da votação.

A eleição se deu durante reunião realizada em Istambul, na Turquia, uma versão encurtada da Assembleia Geral da Interpol. De acordo com a PF, 172 delegações foram credenciadas dentre os 195 países membros da organização. Em discurso, Urquiza destacou a importância de uma Interpol mais democrática, transparente e eficiente.

A Delegação Brasileira, liderada pelo Diretor-Geral da Polícia Federal, Paulo Maiurino, atuou em encontros bilaterais em busca de alianças em torno da candidatura brasileira. “A Polícia Federal estará bem posicionada, participando e influenciando em discussões estratégicas e relevantes à segurança global e ao efetivo combate aos crimes transnacionais.”, diz o chefe da corporação.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.

Publicidadespot_img

Últimas Notícias